Área do Cliente

Sage: 5 dicas para garantir a segurança de dados nas empresas

Faltando menos de um mês para o final do ano, os escritórios de contabilidade começam a se organizar para apoiar os seus clientes em obrigações fiscais importantes como balanço patrimonial, fechamento de caixa e décimo terceiro, entre outros, e também a se prepararem para a temporada do Imposto de Renda.

E é justamente nessa época que o fluxo de documentos e informações aumentam consideravelmente. Por isso, manter tudo a salvo e organizado é fundamental para garantir a continuidade dos negócios – do seu escritório e dos seus clientes.

Pensando nisso, a Sage, empresa líder de mercado em soluções de gestão na nuvem, listou algumas dicas de gestão de dados e segurança da informação especialmente para os escritórios de contabilidade. Veja abaixo:

1. Faça backup

A sua empresa faz backups regularmente? Se sim, ótimo. Caso contrário, estabelecer uma rotina para copiar arquivos é uma tarefa para ontem, ok? Segundo especialistas, a metodologia de 3-2-1 é a mais recomendada. Ela consiste em ter três backups em dois tipos de mídia diferentes, sendo que uma dessas cópias esteja em outro ambiente – fora da rede e se possível, em um local fisicamente longe do escritório. Caso ocorra algum incidente, é possível recuperar tudo facilmente. As companhias também devem contar com soluções que já fazem o backup automaticamente.

2. Organize pastas e documentos

Ao longo dos anos, as empresas vão acumulando documentos e com o passar do tempo, encontrá-los na rede passa ser uma tarefa demorada. Adote uma metodologia para organizar as pastas e conscientize a sua equipe sobre a importância de manter a disciplina na hora de salvar os materiais. É uma medida simples e sem custos que otimizará a rotina do seu escritório.

3. Estabeleça uma política de segurança da informação

Profissionais contábeis lidam com informações sensíveis de diversas empresas. Ter uma política de segurança bem definida garante a tranquilidade do seu cliente e a sua também. Ela tem o objetivo de preservar a integridade dos dados, apontar como eles podem ser utilizados e determinar quais sãos os controles de proteção requeridos para cada tipo de conteúdo, além de estabelecer níveis de acesso e compartilhamentos de rede. Com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), prevista para entrar em vigor em 2020, essa iniciativa garante que o seu escritório cumpra a legislação.

4. Capacite a sua equipe

Capacitar os seus colaboradores é extremamente importante. O ideal é criar uma rotina de treinamentos para ensiná-los quais são os cuidados necessários, como proceder em casos de e-mail suspeito e dicas de boas práticas para navegar na Internet. Aplicar essa dinâmica de conscientização diminui consideravelmente a chance sofrer um ataque cibernético já que muitos hackers utilizam técnicas baseadas em engenharia social, ou seja, criam conteúdos atrativos para que o usuário baixe e instale o vírus.

5. Mantenha tudo atualizado

Manter as licenças de uso e atualizações de software em dia também é uma prática que evita perder dados e ou estar vulnerável a invasões. Certifique-se de que todos estão utilizando a versão mais recente das ferramentas. Vale ressaltar que isso inclui as soluções de antivírus também.

Fonte: Jornal Contábil - 27/11/2019

Cotações e Índices

Moedas - 27/02/2020 17:14:05
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,474
  • 4,476
  • Paralelo
  • 4,380
  • 4,650
  • Turismo
  • 4,290
  • 4,650
  • Euro
  • 4,899
  • 4,901
  • Iene
  • 0,041
  • 0,041
  • Franco
  • 4,608
  • 4,612
  • Libra
  • 5,767
  • 5,772
  • Ouro
  • 232,000
  •  
Mensal - 03/12/2019
  • Índices
  • Set
  • Out
  • Inpc/Ibge
  • -0,05
  • 0,04
  • Ipc/Fipe
  • -
  • 0,16
  • Ipc/Fgv
  • -
  • -0,09
  • Igp-m/Fgv
  • -0,01
  • 0,68
  • Igp-di/Fgv
  • 0,50
  • 0,55
  • Selic
  • 0,46
  • 0,48
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

Saiba mais ...

Agendas Tributárias

  • 28/Fevereiro/2020
  • IOF | Imposto sobre Operações Financeiras.
  • COFINS/PIS-PASEP | Retenção na Fonte – Autopeças.
  • IRPJ/CSL | Imposto de Renda Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro | Apuração mensal.
  • IRPJ/CSL | Imposto de Renda Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro | Apuração trimestral.
  • IRPJ | Imposto de Renda Pessoa Jurídica | Renda variável.
  • IRPJ/Simples Nacional | Ganho de Capital na alienação de Ativos.
  • IRPF | Imposto de Renda Pessoa Física.
  • REFIS/PAES | Programa de Recuperação Fiscal.
  • REFIS | Programa de Recuperação Fiscal.
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro | Profut | Parcelamento de débitos junto à RFB e à PGFN.
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Recuperação Previdenciária dos Empregadores Domésticos - Redom (Parcelamento de débitos em nome do empregado e do empregador domésticos junto à PGFN e à RFB).
  • DOI | Declaração de Operações Imobiliárias.
  • DME | Declaração de Operações Liquidadas com Moeda em Espécie.
  • Contribuição Sindical - Autonomos e Profissionais Liberais.
  • Operações com criptoativos
  • Informe de Rendimentos Financeiros - PJ.
  • Comprovante de Rendimentos - Pessoas Físicas.
  • Comprovante Anual de Retenção do IRPJ/CSL/Cofins/PIS-Pasep.
  • Comprovante Anual de Retenção da CSL/ Cofins/PIS-Pasep.
  • IPI (DIF-Papel Imune).
  • Decred.
  • Dirf.
  • Dimob
  • e-Financeira.

Saiba mais ...

Rua Evaristo da Veiga, 35 Sala 1406
Centro - Rio de Janeiro - RJ  |  CEP: 20031 925

(21) 25323258 - (21) 25323911 - (21) 22203550

Desenvolvido pela TBrWeb
(XHTML / CSS)