Área do Cliente

Você sabe o que é growth hacking?

Inicialmente cunhado pelo gestor de marketing Sean Ellis, um dos responsáveis pelo sucesso do Dropbox, a expressão "growth hacking" surgiu em 2010 e até hoje é pouco conhecida e discutida no Brasil. Lá fora, porém, integra o conjunto de ferramentas responsáveis pelo sucesso de diversas startups e empresas que cresceram sem o típico apoio do marketing tradicional, como PayPal, Airbnb e Uber.

Trata-se de um conjunto de práticas adotadas por profissionais de empresas digitais que visam o crescimento acelerado de seus negócios, através da elaboração de produtos e serviços desenvolvidos sob acompanhamento frequente — desde a ideia ao feedback do cliente.

Isso é demonstrado através do significado de seu nome. A palavra "growth" significa "crescimento" e o popular "hackear" nada mais é que o trabalho de um profissional que possui grande conhecimento na elaboração, construção, programação e manutenção de sistemas. Neste caso específico, o "hacker" domina mais a área de desenvolvimento e vendas de um produto ou serviço, fazendo com que sua utilização pelo público seja feita de forma agradável, precisa, crescente e lucrativa.

Para tanto, profissionais de growth hacking devem ser disciplinados, analíticos, criativos e ir além das já conhecidas estratégias de marketing. Na prática, ele é responsável por idealizar, desenvolver, divulgar e, se preciso, corrigir funções do produto ou plataforma, conforme a necessidade de mercado, fazendo uma ligação entre o produto (ou serviço) da empresa e o seu público-alvo.

Essa multifuncionalidade é, inclusive, a principal diferença entre o growth hacking e o marketing tradicional, já que o GH passa por diversos setores, inclusive o financeiro e o RH da empresa. Ou seja, de forma grosseira, podemos afirmar que o growth hacker é um meio termo entre o profissional de desenvolvimento de produto e o de marketing, uma vez que ele também faz uso de ferramentas típicas do marketing tradicional, como aquisições pagas (content marketing), e-mail marketing, otimização em sites de buscas e estratégias pagas (links patrocinados, Facebook Ads, anúncios em emissoras de TV, rádio, etc.).

Fonte: administradores.com.br

Cotações e Índices

Moedas - 24/02/2020 17:48:24
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,388
  • 4,389
  • Paralelo
  • 4,360
  • 4,610
  • Turismo
  • 4,220
  • 4,570
  • Euro
  • 4,762
  • 4,765
  • Iene
  • 0,040
  • 0,040
  • Franco
  • 4,483
  • 4,486
  • Libra
  • 5,673
  • 5,676
  • Ouro
  • 232,000
  •  
Mensal - 03/12/2019
  • Índices
  • Set
  • Out
  • Inpc/Ibge
  • -0,05
  • 0,04
  • Ipc/Fipe
  • -
  • 0,16
  • Ipc/Fgv
  • -
  • -0,09
  • Igp-m/Fgv
  • -0,01
  • 0,68
  • Igp-di/Fgv
  • 0,50
  • 0,55
  • Selic
  • 0,46
  • 0,48
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

Saiba mais ...

Agendas Tributárias

  • 26/Fevereiro/2020
  • IOF | Imposto sobre Operações Financeiras.
  • IRRF | Imposto de Renda Retido na Fonte.

Saiba mais ...

Rua Evaristo da Veiga, 35 Sala 1406
Centro - Rio de Janeiro - RJ  |  CEP: 20031 925

(21) 25323258 - (21) 25323911 - (21) 22203550

Desenvolvido pela TBrWeb
(XHTML / CSS)